Operatividade do Tarô

Jean Claude Flornoy chama de Operatividade do tarô, o processo despertado ao olharmos para as cartas e elas nos remeterem a eventos, sentimentos ou traumas que já vivemos. A mim lembra-me um psicodrama ativado pela visualização das cartas. Neste pequeno ensaio ele dá mais detalhes.

“A história mais bonita de operatividade  com o tarô refere-se a um incidente que surgiu a partir do meu trabalho de pintura das cartas.

Algo essencial para o tarô é a ligação entre nossa experiência  e entre cada carta e seu conjunto próprio de imagens. “Lembrar-se” significa reviver o passado como um observador com o sabor das energias do momento.

Eu estava simpático (no sentido etimológico grego: sofrer com) ao meu visitante e, portanto, era muito fácil para mim evocar e transmitir a qualidade energética necessária para encontrar uma saída para sua crise existencial.

Na época, eu estava começando o trabalho de pintura de versões gigantes do Tarot de Nicolas Conver, o célebre feitor de cartas de Marselha. As telas mediam 2,5m por 1,20m. Estes são formatos muito grandes: o Bateleur, em tamanho real, media 1,82m. Eu havia finalizado o Arcano VI – O Amante, e como tinha planejado um jantar de família, instalei-o no final de um corredor. Havia 19 de nós na mesa. Para a ocasião contratei um cozinheiro e uma garçonete. Entre a cozinha e a sala de jantar estendia-se um corredor de 15 metros, interminável, com esta imensa tela no seu final. Tudo ia bem até que chegou a hora de servir o queijo! Mas algo deu errado: o queijo não chegou. Um anfitrião sabe que há algo errado quando os convidados começam a beber na frente dos pratos vazios! Então, discretamente me levantei, deixei meus convidados e fui até a cozinha ver o que estava acontecendo. Lá encontrei a garçonete chorando, abraçada ao cozinheiro, que não estava conseguindo confortá-la. Pedi ao cozinheiro para servir o queijo, e fui deixado sozinho com a garota embebida em lágrimas.

– “Acalme-se. O que está lhe incomodando?” Por entre suas lágrimas e soluços apocalípticos ela consegue dizer :

– “Não posso ir até lá por mais tempo… eu não posso ir lá por mais tempo.”

– “Oh!…  alguém a ofendeu?”

– “Não, não”, ela me disse: “Não é nada disso. É a pintura!”

– “A pintura não lhe agrada?”

– “Não… É que quando eu passo na frente dele, as imagens de meus amantes voltam. Eu vi todos eles de novo, mesmo o primeiro, e é isso que me faz chorar!”

Com isso, ela explodiu em uma nova rodada de lágrimas, espasmos e soluços. O cozinheiro terminou servindo o resto da refeição e o evento transcorreu sem maiores incidentes. Foi a primeira vez que essa garçonete tinha visto um tarô. Isto é a operatividade. O efeito estava ligado estritamente à imagem, completamente independente de palavras ou explicações. Talvez seja devido aos gráficos, mas – na minha opinião – é mais relacionado às cores. A cor é uma linguagem que nosso inconsciente capta em um simples olhar. A organização das cores, a sua massa em relação umas às outras, e a forma geral do Amante de Conver permitiu a esta jovem mulher ter um trabalho de memória impressionante. Ela reviveu os tempos passados com todos os homens a quem ela havia recebido em seu corpo. Para ela, era uma terapia estranha, selvagem.

Com isso, ela explodiu em uma nova rodada de lágrimas, espasmos e soluços. O cozinheiro terminou servindo o resto da refeição e o evento transcorreu sem maiores incidentes. Foi a primeira vez que essa garçonete tinha visto um tarô. Isto é a operatividade. O efeito estava ligado estritamente à imagem, completamente independente de palavras ou explicações. Talvez seja devido aos gráficos, mas – na minha opinião – é mais relacionado às cores. A cor é uma linguagem que nosso inconsciente capta em um simples olhar. A organização das cores, a sua massa em relação umas às outras, e a forma geral do Amante de Conver permitiu a esta jovem mulher ter um trabalho de memória impressionante. Ela reviveu os tempos passados com todos os homens a quem ela havia recebido em seu corpo. Para ela, era uma terapia estranha, selvagem.”

Jean-Claude Flornoy

Os comentários estão fechados.

Patrocinado